Quanto pesava aquela cruz

Jesus carregando a cruz, Lucas Faydherbe
Texto do revmo. Bispo Josue Adam Lazier

Quanto pesava aquela cruz
Que Tu truncado carregavas
Todo exangue e molestado
Pelas três vezes que no chão rolaras?

Quanto pesava aquela que Tu,
Já semimorto,
Ainda levavas ao Calvário
Para si próprio padecer?

A cruz, quanto pesava?
Talvez não tanto
Pela grandeza do mundo que criaste
E pela missão que nos confiaste.

E o madeiro, que de imaculado
Foi assim tão vil transformado,
Não pesaria nada também
Não fossem os pecados do mundo sobre ele recaírem.

Simão, o camponês,
Veneradamente contigo partilhou,
Sentindo o peso e o desfavor deste mundo,
Todo falso, todo imundo!

E a cruz que o assolou
Manchada pelo ombro que sangrava
Por nossos pecados e desacertos,
Quanto pesava?

E Tu, tão humilde e tão sereno,
Aceitou a crucificação,
Que fez com que tantos vibrassem
No meio de uma grande multidão.

Quanto pesava a cruz?
Aquela onde benevolente enunciaste:
“Pai, perdoa-lhes,
Eles não sabem o que fazem”.

0 comentários. Faça o seu:

 
Copyright 2012 Amós Boiadeiro. Powered by Blogger
Blogger by Blogger Templates and Images by Wpthemescreator
Personal Blogger Templates