7 verdades sobre o dízimo


Colaboração do rev. Luiz Carlos Ramos

Assim que saiu no Facebook esta postagem do rev. Luiz Carlos Ramos recebeu críticas ofensivas e palavras contestatórias. Como sempre, nenhuma delas embasada no texto bíblico. Apenas achismos e ideias pré-concebidas de algo que virou um dogma nas igrejas protestante, um dogma igual aquele que diz que não se deve tocar no ungido do Senhor. 

A questão do dízimo deve estar sempre em pauta, principalmente nos dias de hoje, pois quando um estranho à fé faz qualquer referência à igreja, sua primeira frase é: vamos correr a sacolinha. 

Algumas outras verdades podem ser incluídas a estas sete, como por exemplo a que diz que o dízimo era pago apenas pelos patrões e não pelos assalariados. Mas ainda o que prevalece é que o dízimo servia para suprir as necessidades do levita e de sua família, e o restante era destinado a ajudar ao pobre, ao estrangeiro e à viúva, e não para construir templos faraônicos, comprar casas de luxo ou carros importados. 

0 comentários. Faça o seu:

 
Copyright 2012 Amós Boiadeiro. Powered by Blogger
Blogger by Blogger Templates and Images by Wpthemescreator
Personal Blogger Templates