O que ÁGAPE?

Celebração do Ágape, Pasteve
Ágape (banquete de confraternização). A palavra grega ágápe tornou-se no tempo pós-apostólico o termo técnico para indicar uma refeição de confraternização, com caráter litúrgico que, como as refeições das associações religiosas judaicas (hãbürõt), tinham a finalidade de fortificar a união dos fiéis e de sustentar os pobres. A existência da ágape na Igreja antiga é certa a partir do fim do século II. Segundo alguns a palavra tem esse mesmo sentido especial também em Judas 12; conforme o lugar paralelo II Pe 2.13 onde, no entanto, a versão apátais (raiz de simpático) é mais provável. Se no tempo de S. Paulo a celebração da Eucaristia em Corinto era procedida por uma ágape, é duvidoso (I Co 11.17-34). A opinião mais provável é que no princípio a eucaristia era celebrada logo depois da refeição comum (cf. At 2.42-46; Didaqué 9-10). Por causa dos abusos a que aludem I Coríntios, Judas e II Pedro, esse uso foi provavelmente suprimido desde cedo. Mais tarde as ágapes foram reintroduzidas, em forma limitada, como prática de caridade para com os pobres (cf. At 6.1).

Fonte: Dicionário Enciclopédico da Bíblia, A. Van Den Born

0 comentários. Faça o seu:

 
Copyright 2012 Amós Boiadeiro. Powered by Blogger
Blogger by Blogger Templates and Images by Wpthemescreator
Personal Blogger Templates