Primeiro, o servo

Deixai vir a mim, Ilda Davi
...quem quiser tornar-se grande entre vós, será esse o que vos 
sirva; e quem quiser ser o primeiro entre vós será servo de todos.
- Marcos 10.43-44 -
Texto do rev. Paulo Schütz.

Percebendo que os discípulos discutiam entre si sobre quem era o maior, Jesus chamou os doze e lhes disse: Se alguém quer ser o primeiro, será o último e servo de todos. Assim, tomou o maior como o primeiro. Em seguida, colocou uma criança no meio deles e continuou: Qualquer que receber uma criança, tal como esta, em meu nome, a mim me recebe. Foi a maneira criativa que encontrou para explicar que aquele que entre vós for o menor de todos, esse é que é grande. Identificou a grandeza com a simplicidade de um serviço prestado a uma criança.

Quando Tiago e João solicitaram ao mestre que, na sua glória, um deles se sentasse à sua direita e o outro, à sua esquerda, ele os repreendeu e concluiu: Sabeis que os que são considerados governadores dos povos têm-nos sob seu domínio, e sobre eles os seus maiorais exercem autoridade. E acrescentou: entre vós não é assim; pelo contrário, quem quiser tornar-se grande entre vós, será esse o que vos sirva; e quem quiser ser o primeiro entre vós será servo de todos. Novamente, identificou o maior com o primeiro, devendo tanto um como o outro ser aquele que serve. Agora ele dispensou a criança e explicou sua afirmação por contraste. Não por acaso, chamou de maiorais, ou maiores, aqueles que servem os governantes, que exercem domínio, exortando que não é assim entre os maiores dele, seus primeiros, os discípulos.

Jesus tratou do assunto em um terceiro momento, quando alertou contra as obras dos escribas e fariseus, que praticam todas as suas obras com o fim de serem vistos pelos homens... Amam o primeiro lugar nos banquetes e as primeiras cadeiras nas sinagogas, as saudações nas praças e o serem chamados mestres pelos homens. Agora também, deu seu recado por contraste: Mas o maior dentre vós será vosso servo. Quem a si mesmo se exaltar será humilhado; e quem a si mesmo se humilhar será exaltado.

Ele também orientou os seus a não procurarem os primeiros lugares nos banquetes, para não suceder que, vindo aquele que te convidou, te diga: Dá o lugar a este... Pelo contrário, vai tomar o último lugar; para que, quando vier o que te convidou, te diga: Amigo, senta-te mais para cima.  E a vida mostra que, quando ocupamos os primeiros lugares, são muitos aqueles que os desejam e fariam tudo para nos tirar e nos substituir; por isso, arrumamos muitos inimigos e outros tantos falsos amigos. Quando ocupamos os últimos, ao contrário, poucos são os que se preocupam conosco, que querem nos ver fora de lá, apenas os amigos verdadeiros.


Referências bíblicas:
Mateus 20.20-28; 23.1-12; Marcos 9.33-37; 10.35-45; Lucas 9.46-48; 14.7-14; 22.24-30. 

0 comentários. Faça o seu:

 
Copyright 2012 Amós Boiadeiro. Powered by Blogger
Blogger by Blogger Templates and Images by Wpthemescreator
Personal Blogger Templates