O perigo de uma poltrona macia

Não se conformem com este mundo, mas se transformem pela renovação da mente... Paulo de Tarso (Romanos 12.2)
Preguiça, Pieter Bruegel
Texto do rev. Jonas Rezende.
                  
Quando ainda a Sociologia estava engatinhando, surge, na França, um estudioso chamado Gabriel Tarde. Para este sociólogo, duas forças marcam o comportamento do homem em sociedade: a imitação e a invenção. A primeira representa a repetição, que traz certa segurança àquele que apenas se conforma aos modismos. Já a invenção tem compromisso com a criatividade, a inovação, essa busca humana sem limites.

Paulo, o apóstolo, está preocupado que o cristão seja alguém que tenha a coragem de mudar. É por isso que ele desafia: “Não se conformem com este mundo.”

Não sei se você leu A Idade da Razão. Jean-Paul Sartre, neste seu romance, nos fala de uma poltrona tão macia quanto perigosa: sentar-se na poltrona poderia ser o início da acomodação... Eu lhe digo que é preciso muita coragem para mudar, vencer a “lei do menor esforço”, quebrar a inércia.

Dois livros me ensinaram muito quanto a este assunto, razão por que os menciono para você.
De Hermann Hesse, O Jogo das Contas de Vidro. Retrata uma sociedade brilhante de onde a criatividade deve, porém, ser banida. É, para mim, a denúncia da erudição sem vida e dinamismo; a cultura morta.

De Salman Rushdie, Haroum e o Mar de Histórias. Trata-se de recente trabalho do escritor que vive escondido há anos, porque foi jurado de morte pelos maometanos, desde que o aiatolá Khomeini viu em seu livro anterior, Os Versos Satânicos, uma posição de desrespeito para com o profeta Maomé.
No seu mar de histórias, Salman Rushdie nos coloca diante de um mundo onde o discurso divergente é proibido. Vale dizer, o escritor está focalizando sua própria experiência neste nosso mundo atual, onde posições arbitrárias ainda possuem força para literalmente esmagar os homens que ousam ter liberdade de pensamento.

Não se conformem com isso; mudem esse estado de coisas, nos repete o apóstolo Paulo.

0 comentários. Faça o seu:

 
Copyright 2012 Amós Boiadeiro. Powered by Blogger
Blogger by Blogger Templates and Images by Wpthemescreator
Personal Blogger Templates