Gospel X Gospel

Se um reino estiver dividido contra si mesmo, tal reino não pode subsistir; se uma casa estiver dividida contra si mesma, tal casa não poderá subsistir. Se, pois, Satanás se levantou contra si mesmo e está dividido, não pode subsistir, mas perece. Marcos 3.24ss
A idolatria de Jeroboão, Jean Fragonard (1732-1806)
Sem querer xingar quem quer que fosse de Diabo, nestes versículos Jesus declarou mais uma das suas verdades eternas: todo reino dividido acaba em ruínas, exatamente assim como Lucas e Mateus escreveram sobre o mesmo episódio. A princípio pode parecer que estou novamente investindo contra os famosos artistas gospel e seus shows musicais travestidos de culto. Contudo, para surpresa de todos, inclusive minha, venho a público exibir e enaltecer um depoimento que ouvi de um cantor gospel, naquele que, na minha ignorância, penso ser um dos maiores quartéis generais gospel das igrejas brasileiras. Aquela que, como igreja, reina absoluta na produção e difusão desta, já não tão nova, novidade agregada ao evangelho: a Igreja Batista da Lagoinha.

Antes de mais nada, quero deixar claro que nada sei sobre o trabalho desta Igreja, e que o meu texto não traduz o que ali se realiza, mas analisa e faz críticas apenas e tão somente ao que de esdrúxulo acontece ali e que ganha projeção nacional. Mesmo porque, se assim não fosse, eu não teria conhecimento. Já falei da arrogância de grupo liderado por membros da família Valadão, dos seus sincretismos absurdos, e falei também das estranhas unções que eles andam dizendo que recebem de Deus. Mas hoje não. Vou deixar que alguém nos fale diretamente daquele púlpito: o pregador que atende pelo nome de Rodolfo Abrantes. Tudo o que vou dizer daqui para frente pode e deve ser conferido neste vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=xDx34gnmhao#at=19

Existe algo que não temos que proteger a Igreja contra ela, ela já está dentro da Igreja.
Existe uma cultura idólatra dentro da Igreja Cristã brasileira que precisa ser arrancada desse lugar.
Todas as vezes que você idolatra um servo ou uma serva de Deus, está dizendo que Jesus está em segundo lugar.
Eu preciso arrancar essa idolatria dentro do meu coração...
Eu quero levantar um clamor aqui nessa noite pelo fim da cultura Gospel.
Pelo fim dos artistas Gospel.
Pelo fim do mercado Gospel.
Pelo fim dos shows Gospel...
Feche os olhos e levante as suas mãos.
É tempo de pedir perdão a Deus, porque isso tudo nós temos praticado. (sic)

Motivo algum me impede de fazer coro com este rapaz. Talvez com menos eloquência, mas ele expressou tudo o que penso e que tenho tentado transmitir através desse blog. Não é isso o que prego à minha Igreja, nas oportunidades que tenho. Lá, a cultura Gospel não prosperou, graças a Deus e a orientação firmada na Bíblia que a sequencia abençoada dos seus pastores titulares, Jonas Rezende, Mozart Noronha e Edson Fernando, souberam administrar.

Gostaria de agradecer a Igreja Batista da Lagoinha pela oportunidade que deu a todos nós de conhecer este outro segmento do trabalho ali realizado. Gostaria de parabenizar esse rapaz pela coragem, e, até onde pude observar, pela sinceridade de suas palavras. Influenciado por ele, eu gostaria também de levantar um clamor para que as pessoas que tem o privilégio de falar em nome de Jesus, que o façam a partir da sua própria realidade pecaminosa. Que antes de tudo reconheçam que estão no mesmo barco que os seus ouvintes, e que projetem a honra e a glória naquele que realmente é digno de recebê-la.

A partir deste depoimento vou evitar falar sobre o mundo Gospel, mesmo porque, como podemos observar, está em ruínas, dividido pela ganância das gravadoras e o estrelismo dos cantores, esperando apenas a hora em que vai desabar sobre si mesmo.

0 comentários. Faça o seu:

 
Copyright 2012 Amós Boiadeiro. Powered by Blogger
Blogger by Blogger Templates and Images by Wpthemescreator
Personal Blogger Templates